O cenário competitivo de League of Legends pode contar com o retorno de outro grande player do cenário para o ano que vem: Jian “Uzi” Zi-Hao. O chinês anunciou sua aposentadoria em junho do ano passado por problemas de saúde, mas agora quer voltar a competir — ou ao menos treinar profissionalmente.

“Não importa se eu posso jogar ou não no próximo ano, eu quero scrimar (treinar). Antes de entrar em cena, eu costumava treinar contra times semi-profissionais e profissionais. Não tenho treinado há dois anos. Eu ainda amo League of Legends e eu sinto que ainda posso jogar”, disse o ex-pro player em uma de suas lives recentes.

A possibilidade de retorno do atirador já vinha sendo levantada desde junho deste ano. Na época, Uzi chegou a mencionar que seu ranking de Diamante 1 seria baixo demais para atrair a atenção de qualquer equipe. No entanto, há um motivo muito maior que tem adiado a volta do chinês para o cenário competitivo.

Contrato impede retorno imediato ao competitivo de League of Legends

Embora motivação não falte para o jogador chinês, cláusulas contratuais têm barrado o retorno. Uzi não possui mais vínculo como jogador profissional, mas seu contrato como criador de conteúdo/streamer foi vendido a uma rede multicanal sem qualquer aviso prévio, segundo o perfil HUPU Esports.

Neste contrato, há um trecho que proíbe Uzi de comparecer em qualquer teste de times. Ou seja, por mais que deseje voltar a treinar profissionalmente para voltar ao cenário competitivo de League of Legends, o jogador terá que esperar até dezembro, quando seu contrato como streamer chegará ao fim.

Após o prazo, é provável que o jogador encontre alguma equipe interessada, já que ele é considerado um dos maiores (e melhores) jogadores de lolzinho de todos os tempos. Se o retorno for confirmado, Uzi deverá juntar-se a Bjergsen e Doublelift, que também devem retornar como jogadores profissionais do game da Riot.

Fonte: Twitter

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *