Após os recentes incidentes envolvendo denúncias de assédio sexual dentro da Activision Blizzard e polêmicas sobre como o CEO Bobby Kotick tratou o assunto, Phil Spencer, que comanda a divisão Xbox, disse que está reavaliando o relacionamento entre ambas as empresas.

Em um e-mail enviado a seus funcionários, Spencer afirma que está “avaliando todos os aspectos de nosso relacionamento com a Activision Blizzard e fazendo ajustes proativos contínuos”. Além disso, ele comenta que outros líderes da divisão do Xbox estão “perturbados e profundamente preocupados com os eventos e ações horríveis. Esse tipo de comportamento não tem lugar em nossa indústria”.

Investigações afirmam que Kotick sabia há anos sobre os casos de conduta sexual imprópria dentro da empresa, sem relatá-los ao conselho. Ele também foi acusado de maltratar mulheres em várias ocasiões.

Sony também comentou o assunto

O CEO da Sony, Jim Ryan, também expressou sua preocupação com a situação. Em um documento interno, o executivo descreveu que ficou “desanimado e francamente surpreso ao ler” as declarações. Ele também criticou a resposta da Activision às alegações.

Isso porque a Activision Blizzard lançou no início da semana uma declaração que dizia que havia uma “visão enganosa da Activision Blizzard e de nosso CEO”.

De qualquer forma, mais de 900 funcionários da própria Actvision assinaram uma petição exigindo que Kotick deixe o cargo. Além disso, um grupo de acionistas faz o mesmo apelo – além das empresas responsáveis pelo PlayStation e Xbox.

Em resposta dada ao Engadget, a companhia afirma que respeita “todos os comentários de nossos valiosos parceiros e estamos nos envolvendo ainda mais com eles. Detalhamos mudanças importantes que implementamos nas últimas semanas e continuaremos a fazê-lo. Estamos comprometidos com o trabalho de garantir que nossa cultura e local de trabalho sejam seguros, diversificados e inclusivos”.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *