NFTs de artistas do Universal Music Group. Da esquerda para direita: Quavo, Kim Petras, J Balvin and Lil Huddy - Imagem: Divulgação

Paris Hilton usou um vestido em 3D furta-cor e com transparências, voou no palco até uns 10 metros de altura, pousou perto da mesa de som e começou a dançar com o DJ. Só que tudo isso aconteceu em um show no metaverso com o avatar da estrela no Genies. A próxima a fazer algo parecido pode ser a cantora Rihanna ou qualquer artista do Universal Music Group.

A gravadora fechou parceria com a empresa de entretenimento e itens digitais únicos autenticados em blockchain (NFTs), Genies, para criar avatares de seus artistas que poderão fazer shows online, como já fez Paris Hilton. A Warner Music já havia fechado uma parceria com a Genies em maio.

Alguns artistas da Universal, como Justin Bieber e Shawn Mendes, já tinham feito seus avatares com a Genies. Parte dos rappers do Migos também estão representados. Agora, Rihanna será a próxima, em um novo mercado online administrado pela Genies. Fãs poderão comprar acessórios e mercadorias ligadas aos avatares. O vestido de Paris Hilton, por exemplo, está à venda.

NFTs já é foco de investimento de Adidas, Nike e Snoop Dogg

A Universal Music Group já havia investido antes em NFTs. Quatro personagens do Bored Ape Yacht Club, uma coleção de NFTs, foi anunciada como uma banda pela gravadora em novembro, parecida com o Gorillaz. Adidas, Nike e outras grandes empresas também já investem em NFTs.

Outros artistas populares já têm mansões e outros bens no metaverso como Snoop Dogg e sua mansão no The Sandbox. O preço desses itens pode chegar a US$ 650 mil por um iate até US$ 144 milhões em compra e venda de terrenos.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.