Imagem: Divulgação/Intel

Atrasos, especulações e mudanças de planos foram os “ingredientes” que envolveram as placas de vídeo Arc Alchemist para desktop até agora. Mas na última segunda-feira (9), a Intel finalmente revelou detalhes mais específicos sobre a estreia dos produtos.

Em publicação no site oficial da empresa, a big tech confirmou que os produtos Intel Arc A-series de nível básico para desktops (A3) serão lançados inicialmente na China, por meio de integradores de sistemas e OEMs (“Fabricantes Originais do Equipamento”, em tradução livre) no segundo trimestre deste ano.

A justificativa, segundo a empresa é que, diferentemente das GPUs móveis, as placas gráficas para PC incluem uma série de combinações, incluindo memória, placas-mãe e CPUs. Por conta disso, o lançamento inicial será restrito para limitar essas variações.

As vendas das placas A3 no varejo também serão iniciadas na China (e em breve), já que “a proximidade com os componentes da placa e a forte demanda por produtos discretos de nível básico tornam este um lugar natural para começar”. Depois disso, o foco será voltado para o envio de remessas a níveis globais.

Já o lançamento global das placas Intel Arc A5 e A7 acontecerá apenas no final de setembro. Os componentes também vão estrear primeiramente com OEMs e integradores de sistema e, posteriormente, por vendas de componentes em canais mundiais.

Intel Arc

Imagem: Reprodução/Intel

Estratégia acertada da Intel para as placas Arc?

Se as especulações de problemas em drivers, suporte pós-venda, desenvolvimento de cartões de parceiros, desenvolvimento e integração de jogos e considerações comerciais forem verídicas, esse prazo alongado da Intel é compreensível — embora nada agradável.

Isso porque entrar de cabeça em um mercado dominado por Nvidia e AMD apresentando problemas de driver e software desde o início pode ser um verdadeiro tiro no pé. Querendo ou não, aguardar para que tudo esteja dentro dos conformes pode ser uma alternativa interessante.

O único problema é que o mercado continua em busca de GPUs. E o lançamento das placas Arc Alchemist próximo de estreias como as GPUs RTX 40, da Nvidia, e RX 7000, da AMD, pode fazer com que os consumidores pensem se realmente vale a pena esperar pelos produtos da Intel.

Claro que o preço deve pesar na decisão — e as placas Arc prometem ser bem mais baratas que a de rivais. Mas de todo modo, a big tech terá de ficar atenta para acelerar o lançamento global de suas GPUs — antes que os consumidores optem por outros produtos, de outras marcas.

Fonte: Intel

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.