O DuckDuckGo, um motor de pesquisa focado na privacidade do usuário, terá uma nova funcionalidade para impedir que apps vigiem dispositivos Android. A “Proteção contra Vigilância de Apps” oferecerá ainda mais proteção contra vigilância que do que a atual vigilância de aplicativos da Apple, que dá aos usuários a opção de controlar os dados fornecidos para apps.

A novidade do DuckDuckGo não está disponível como um download separado e nem depende de atualização do app para Android OS. A ferramenta de proteção está embutida no navegador focado em privacidade para smartphones. A empresa diz que o objetivo é bloquear qualquer vigilância identificadas em apps de terceiros.

DuckDuckGo e privacidade

Imagem: divulgação

DuckDuckGo promete constante atualização

A empresa afirma que está sempre procurando identificar e proteger seus usuários contra novos apps de vigilância. Assim, é possível que a novidade resguarde dados até de novos aplicativos que possam vir a aparecer. No app do DuckDuckGo, é possível ver em tempo real os apps de vigilância bloqueados, além do destino que seria dado às informações compartilhadas.

Apesar do produto não ser efetivamente uma VPN (Virtual Private Network), o comportamento seria semelhante. A proteção contra vigilância utiliza uma conexão local, o que significa que funcionará direto no smartphone do usuário.

Quando realizou testes da nova funcionalidade, a DuckDuckGo descobriu que 96% dos apps para celulares mais populares e gratuitos do Android mandam dados para terceiros sem avisar o usuário. Os destinos principais para as informações são o Google (87%) e o Facebook (68%).

A funcionalidade está em beta e interessados em testá-la têm que entrar em uma lista de espera (não é necessário cadastrar informações pessoais). Para entrar na lista, vá no app do DuckDuckGo em Configurações e Proteção de Vigilância por Apps, na seção Privacidade. Lá você pode escolher juntar-se à lista de espera.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *