Na manhã de segunda (29), o Twitter anunciou o seu mais novo líder após a demissão do cofundador da plataforma, Jack Dorsey. Escolhido por seu antecessor e confidente, Parag Agrawal assume o cargo após uma década de experiência na empresa.

Com 37 anos, o indiano nascido na cidade de Mumbai, se mudou para os Estados Unidos em 2005 após estudar informática e engenharia na Indian Institute of Technology. Posteriormente cursou doutorado em ciências da computação na Universidade de Stanford, onde se juntou a um grupo de pesquisa de bancos de dados.

O rosto que esteve envolvido em muitas das maiores iniciativas estratégicas do Twitter ao longo de dez anos, traz muitas características “espirituais” de Dorsey: silencioso, educado, profundamente técnico e entusiasmado com uma internet.

 

Parag Agrawal Twitter account

Imagem: Reprodução

Conheça 6 curiosidades sobre Parag Agrawal, um antigo membro do Twitter

  • Entre os melhores engenheiros do Twitter: em 2011, antes de completar o Ph.D, Agrawal ingressou no Twitter e já se tornou membro-chave da equipe de engenharia a supervisionar tecnologias voltadas à publicidade da empresa. Krishna Gade, que o entrevistou para a vaga, contou ao NYT que Parag Agrawal “estava na lista restrita dos melhores engenheiros”;
  • Bluesky: em 2019, Dorsey anunciou que o Twitter planejava financiar uma pesquisa independente com o propósito de criar uma rede social descentralizada, cujos usuários pudessem moderar e aplicar os próprios algoritmos para promoção de conteúdo. As contribuições do Twitter para o projeto, chamado de Bluesky, tiveram supervisão do indiano Agrawal;
  • Criptomoeda: para usuários infiltrados do Twitter, não é uma novidade a simpatia de Dorsey por criptomoedas, principalmente pelo Bitcoin. Esse sentimento incluiu Agrawal, que gerenciou o esforço em incorporar os ativos na plataforma, permitindo os usuários de sugerirem dicas em moedas criptográficas;
  • Escolha de Dorsey: para suceder ao cargo, o cofundador da rede social pareceu não ter dúvidas quanto à escolha de Agrawal, que desde 2017 ocupava a função de diretor de tecnologia da empresa. “Ele tem sido minha escolha há algum tempo, dado o quanto ele entende profundamente a empresa e suas necessidades”, escreveu Jack Dorsey. “Parag tem estado por trás de todas as decisões críticas que ajudaram a dar a volta a esta empresa”. “Minha confiança nele como nosso C.E.O. está em profundidade óssea”, completou;
  • Sul-asiáticos encabeçam empresas de tecnologia americana: Parag Agrawal é o mais recente executivo sul-asiático a assumir o posto mais alto em uma grande empresa de tecnologia. O Twitter segue o mesmo comportamento de gigantes como a Microsoft, Google e IBM, com muitas delas sucedendo seus respectivo fundadores;
  • Salário: com inúmeros desafios pela frente, inclusive o de estar encarregado de realizar a visão do ex-CEO do Twitter de descentralizar a plataforma, Agrawal terá um salário anual de US$ 1 mi. De acordo com arquivos da companhia, o salário soma-se a bônus e unidades de ações restritas e unidades de ações baseadas em desempenho avaliadas em US$ 12,5 milhões.

 

Com informações: The New York Times e Reuters

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *