Desenvolvido pela Crystal Dynamics, Avengers parece não só ter começado com o pé esquerdo, mas também se mantido nele pelo restante de sua jornada. Basta ver que, de forma surpreendente, a desenvolvedora escolheu não incluir nenhum conteúdo extra com a chegada do DLC do Homem-Aranha – exclusivo para o PlayStation.

Homem-Aranha: nunca bate, sempre apanha

A decisão vai na contramão do que o estúdio pertencente à Square Enix vinha fazendo até agora com pacotes de personagens extras. Os DLCs de Kate Bishop, Gavião Arqueiro e Pantera Negra, por exemplo, incluíram trecho de gameplay extra para desenvolver melhor os heróis no jogo dos Vingadores.

Infelizmente, a aguardada estreia do Homem-Aranha no game – que prometia ser um respiro de novidade em Avengers – não justificou esse mínimo de dedicação por parte da desenvolvedora. No lugar de missões, a história envolvendo o aracnídeo será explicada via arquivos de áudio e ilustrações que poderão ser desbloqueadas aos poucos.

A explicação da Crystal Dynamics é de que eles preferiram focar seus esforços em conteúdo que pode ser aproveitado por todos, independentemente da plataforma – que seria a atualização do game com a raid Klaw. Ou seja, os donos de PS4 e PS5 foram “punidos” por terem um herói exclusivo para seu console.

O fato é que com o fracasso do jogo pós-lançamento e com ainda mais tropeços ao longo do caminho, é de se imaginar que Marvel’s Avengers está sobrevivendo com um time mínimo cuidando de seu suporte. Uma pena.

Tanto o DLC com o Homem-Aranha quanto o update com a raid Klaw chegam às suas respectivas plataformas logo menos, no próximo dia 30 de novembro.

Fonte: VG247

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *