No começo da semana, os assinantes da PS Plus receberam uma novidade curiosa: para alegria de alguns, Godfall: Challenger Edition foi anunciado como um dos jogos gratuitos de dezembro, mas para a tristeza de todos, a versão não é o modo completo do jogo.

Godfall incompleto

Basicamente, a versão se limita a apenas algumas atividades de endgame, incluindo loots e alguns pontos de habilidade. Na prática, o game foca apenas nos modos Lightbringer, Dreamstones e Ascended Tower of Trials e pula toda a campanha do título.

Como era de se esperar, a comunidade não gostou nada da novidade. O título foi encarado mais como uma demo do que como um dos jogos mensais disponibilizados pelo serviço — sem contar o fato de a atualização para a versão principal custar US$ 45.

Não é demo, é edição limitada…

Diante da polêmica, um porta-voz da Counterplay, desenvolvedora de Godfall, conversou com o portal gringo Eurogamer para explicar a versão. Segundo ele, a variante Challenger Edition não é uma versão de testes, mas sim, “uma nova edição limitada com preço reduzido”.

Sim, Godfall: Challenger Edition será comercializada no futuro pelo valor de US$ 14,99. Antes disso, o game também será disponibilizado de forma gratuita na Epic Games Store de 9 a 16 de dezembro.

Mesmo que o jogo não seja uma demo, a estratégia de disponibilizá-lo junto dos jogos gratuitos não acompanhou a premissa do serviço, que costuma liberar títulos “completos” aos seus assinantes da PS Plus.

De todo modo, quem quiser testar a demo edição limitada com preço reduzido terá de esperar até a terça-feira (7), quando o título será liberado no serviço da Sony.

Fonte: Eurogamer

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *