Imagem: Shutterstock

O Google prometeu lançar a nova versão do ART (Android Runtime) logo após a chegada do Android 14 e, com ele, a empresa de Mountain View assegura: até mesmo os dispositivos mais velhos – que não rodem a versão mais recente do sistema operacional – poderão se beneficiar de aplicativos funcionando com maior estabilidade e velocidade.

Segundo informou o Google em uma postagem no seu blog oficial, o chamado “ART14” trará um novo sistema de compiladores de performance que traduzem os códigos do app para uma linguagem que o Android reconheça mais rapidamente, trazendo inicializações mais rápidas e execuções perenes mais inteligentes. Em termos práticos: um app não só vai abrir mais rápido, como ele também cairá menos.

Gráfico mostra evolução da nova versão do Android Runtime - atualização deve chegar até setembro

Imagem: Google/Reprodução

Além disso, o novo sistema terá otimizações no gerenciamento de memória, reduzindo o tamanho geral do código-fonte e permitindo leituras mais velozes, o que deve complementar os dois parâmetros acima.

O que é ‘Android Runtime’?

Todo dispositivo Android conta com a função ART para a execução de qualquer aplicativo. Seja no smartphone, tablet, TV ou qualquer outro aparelho, sem ele, você simplesmente não “abre” nada.

Oficialmente, o ART é descrito como uma máquina virtual capaz de traduzir o código proveniente do aplicativo (app bytecode) em um formato compreendido pelo dispositivo – especificamente, pelo seu sistema de processamento (machine code).

O ART existe desde a versão 4.4 do sistema operacional do Google (KitKat, em uma época em que a empresa usava nomes de doces para designar versões do sistema operacional). Antes dele, a empresa usava outra máquina virtual, chamada Dalvik. O salto de uma ferramenta para a outra foi de mais de 30% na época, segundo o próprio Google.

Nisso, entra o ART 14. A versão futura do sistema trará todos os benefícios listados acima. Normalmente, ele ganha uma atualização a cada lançamento majoritário do Android. Em outras palavras, quando falamos, por exemplo, do Android 13 para o 14, o ART também é corrigido. Agora, se o update for minoritário (13.1 ou coisa do tipo), então ele se mantém inalterado.

A previsão é a de que o Android 14 chegue ainda neste mês de agosto, embora sem uma data exata. É provável, então, que o ART 14 apareça até o fim da primeira quinzena de setembro. Já tem até uma lista de quais celulares não vão receber o novo sistema operacional.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments