Imagem: Sergei Elagin / Shutterstock.com

Não é de hoje que o YouTube tem tentado dificultar a vida de quem usa um bloqueadores de anúncios para assistir aos seus vídeos sem passar por propagandas. Entretanto, o site de streaming parece ter começado a pegar mais pesado nas últimas semanas.

Em testes realizados pela equipe do TecMasters, ao menos em dois PCs, o YouTube apresentou uma mensagem dizendo que bloqueadores de anúncios são proibidos no site. Felizmente, até este momento, apenas clicar no “X” é o suficiente para prosseguir com a reprodução do vídeo.

YouTube impedindo uso de bloqueadores de anúncios

Imagem: reprodução/TecMasters

Além do TecMasters, entretanto, alguns sites de fora também notaram o mesmo comportamento em outros países. Não apenas isso, o YouTube confirmou que estava realizando esta ação em mais países para o site Android Authority.

Desta forma, ao menos neste momento, ainda não é garantido que a mensagem pedindo para não usar os bloqueadores de anúncio apareça. A nova medida, também vale salientar, tem sido mais vista nos navegadores no PC, mas pode ocorrer nos celulares, tablets e outros dispositivos móveis.

YouTube já havia intensificado ação em junho

Ainda durante o mês de junho, diversos relatos na internet já haviam surgido com indícios de que o YouTube realmente estava impedindo o uso de bloqueadores de anúncio. Entretanto, a forma era um pouco mais intrusiva, uma vez que o usuário se via realmente forçado a colocar o site de streaming na lista de exceções ou desabilitar o Bloqueador de anúncios.

YouTube realizando bloqueio de Adblockers

Imagem: Reddit_n_Me

Apesar destes relatos vistos na internet em junho, testes realizados pela equipe do TecMasters mostraram que o Brasil ainda não estava sendo afetado pela medida na época.

Em posicionamento dado à nossa equipe, também em junho, o YouTube ressaltou que os adblockers violam os Termos de Serviço do site e que os anúncios oferecem um apoio a um ecossistema diversificado de criadores. Além disso, havia sido explicado que o bloqueio aos vídeos só ocorreria em casos extremos, quando os espectadores continuassem a usar adblockers mesmo após receberem notificações repetidamente.

Via: The Verge

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments