O jogo Ark Survival Evolved foi lançado em 2015 trazendo muitas novidades para o gênero e até hoje continua com uma base de jogadores bem consistente. Já quem pretende continuar jogando o título original encontrará algumas dificuldades e poderá ter que desembolsar para amenizar os problemas.

Pouco após ter anunciado o adiamento de Ark 2, o Studio Wildcard confirmou que Ark: Survival Ascend, um remaster do título original feito com a Unreal Engine 5, chegará ainda em 2023. Entretanto, além da novidade envolvendo o remaster, o estúdio também anunciou que os servidores do título original serão encerrados em agosto.

Algo que deixou os jogadores ainda mais irritados na internet é que não deve existir uma opção de upgrade gratuito e o fato de DLCs poderem ser vendidos separadamente. Até o momento, apenas especula-se que o novo jogo deverá custar US$ 50 (aproximadamente R$ 250) e nenhuma opção de upgrade com valor mais em conta foi especulada.

Ark Survival Evolved

Imagem: divulgação/Studio Wildcard

Com tudo isso rolando, é claro, os jogadores foram até ao Reddit para começar a publicar suas reclamações. Muitos deles, inclusive, afirmam que não estão dispostos a pagar pelo mesmo jogo duas vezes.

As if I’m paying for the same game twice
by u/TheActualRyanReynold in playark

O Ark: Survival Ascended está previsto para ser lançado em agosto para PC, Xbox Series X/S e PlayStation 5. Já a sua sequência está prevista para ser lançada no fim de 2024 para Xbox e PC.

Remaster de Ark Survival Evolved foi anunciado com upgrade gratuito

Mais um ponto que também levantou muitas reclamações da comunidade foi o fato de o remaster de Ark: Survival Evolved ter sido anunciado como um upgrade gratuito, como mostra esta publicação no Twitter feita por Jeremy Stieglitz, diretor de arte do jogo e co-fundador do Studio Wildcard.

Apesar de os servidores dedicados do Studio Wildcard estarem prestes a ser desligados, é claro, os jogadores poderão continuar a criar seus próprios servidores no título para jogar com seus amigos sem adquirir o novo título.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments