A Virgin Galactic, empresa de turismo espacial, vendeu mais 100 passagens para voar no avião suborbital da empresa. Os tickets foram vendidos por US$ 450.000 cada (quase dois milhões e meio de reais em conversão direta).

Curioso é que as novas passagens para viajar até o limite do espaço foram negociadas por um valor bem mais alto em agosto. Antes, o valor era de 250 mil dólares por assento.

Virgin Galactic

Virgin Galactic diz que vendeu cada assento por R$ 2,5 bilhões para viagem suborbital – Imagem: divulgação

Agora, com mais esse lote vendido, a Virgin Galactic tem 700 bilhetes vendidos para passeios turísticos ao espaço. Faltam 300 para atingir as 1.000 passagens que a empresa espera vender antes mesmo de iniciar os voos comerciais em suas aeronaves previstos para o quarto trimestre de 2022.

Até agora só quem fez um depósito reembolsável de US$ 1.000 teve direito a comprar as passagens. A partir do início do ano que vem, a Virgin Galactic planeja liberar mais reservas.

O anúncio veio junto com a divulgação dos resultados do terceiro trimestre da companhia.

O primeiro voo da Virgin Galactic

Em julho, com o fundador da empresa Richard Branson a bordo da aeronave, a Virgin Galactic fez seu primeiro voo suborbital tripulado. Poucos dias depois, foi a vez de Jeff Bezos viajar até a borda do espaço no primeiro voo tripulado da Blue Origin.

Virgin Galactic

Imagem: divulgação

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *