Imagem: Krzysztof-Kotkowicz/Unsplash

Dados de 1 bilhão de chineses podem ter sido obtidos de um banco de dados da polícia de Xangai, de acordo com uma recente postagem no fórum de hacking online Breach Forum. Nomes, endereços, números de identificação nacional e números de telefone celular, assim como detalhes de casos estariam sendo oferecidos por 10 bitcoins (cerca de US$ 200 mil) por ChinaDan, como se identificou o usuário em posse dos 24 terabytes de dados.

Ao analisar uma amostra que incluía nomes, data de nascimento, idade e número de celulares, a AP News observou que também há informações de menores, embora não pôde verificar a autenticidade das amostras de dados.

Vazamento de dados da polícia de Xangai pode ser o maior da história

Imagem: Graeme Kennedy/Shutterstock.com

Após ganhar os noticiários, o vazamento de dados desencadeou inicialmente discussões nas plataformas de mídias digitais chinesas como Weibo, mas desde então os censuradores passaram a bloquear buscas para “vazamentos de dados em Xangai”.

Algumas pessoas, temendo o uso de dados de forma indevida em plataformas de pagamento, fizeram buscas com os próprios dados na Alipay. “Todos, por favor, tenham cuidado no caso de haver mais fraudes telefônicas no futuro”, disseram eles em uma postagem no Weibo.

Outros usuários da rede social usaram a expressão “correndo nus” ao se referir à falta de privacidade — e é “horripilante”, dizia o post.

Vazamento de dados pode ser o maior da história

É “difícil de analisar a verdade do moinho de rumores, mas pode confirmar que o arquivo existe”, tweetou Kendra Schaefer, parceira de tecnologia da empresa de pesquisa de políticas Trivium China.

Segundo Michael Gazeley, diretor administrativo da empresa de segurança Network Box, com sede em Hong Kong, tais vazamentos são bastante comuns. “Há aproximadamente 12 bilhões de contas comprometidas postadas na dark web neste momento”. Isso é mais do que o número total de pessoas no mundo”, disse ele, acrescentando que a maioria dos vazamentos de dados frequentemente vêm dos EUA.

Vazamento de dados da polícia de Xangai pode ser o maior da história

Imagem: Nuno Alberto/Unsplash

A violação é “potencialmente e incrivelmente embaraçosa para o governo chinês”, e o dano político provavelmente compensaria os danos às pessoas cujos dados foram vazados, disse Chester Wisniewski, principal cientista pesquisador da empresa de segurança cibernética Sophos.

“A informação, uma vez liberada, fica para sempre lá fora. Portanto, se alguém acredita que suas informações fizeram parte deste ataque, tem que assumir que elas estão para sempre disponíveis para qualquer pessoa e deve tomar precauções para se proteger”, advertiu o pesquisador.

Uma grande exchange de moedas criptográficas disse ter intensificado os procedimentos de verificação para se proteger contra tentativas de fraude frente ao caso.

source_facebook_2016

Imagem: Reprodução/Facebook

Se confirmado, o caso será o maior da história, juntando-se a tantos outros vazamentos como do Facebook, que afetou mais de 533 milhões de usuários ao permitir a raspagem de dados aproveitada por uma vulnerabilidade posteriormente corrida.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.