Em coletiva de imprensa realizada nesta segunda (13), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apresentou os novos modelos de urnas eletrônicas que já serão usadas nas eleições de 2022.

Produzidas em Manaus sob acompanhamento da equipe da Coordenadoria de Tecnologia Eleitoral (Cotel), da Secretaria de Tecnologia do TSE, 577 mil modelos serão disponibilizados o ano que vem, sendo 44% delas do novo modelo apresentado.

Imagem: Abdias Pinheiro/SECOM/TSE

Com elas, será possível agilizar o processo de votação, visto que o terminal do mesário deve contar agora com uma tela totalmente gráfica e sensível ao toque (sem teclado), permitindo ao mesário a identificação do eleitor enquanto ele vota.

Além de comportarem uma bateria com vida útil entre 10 a 12 anos, sem necessidade de recarregá-la, as máquinas também receberam um upgrade no processador, que será 18 vezes mais rápido se comparado ao modelo anterior.

Imagem: Abdias Pinheiro/SECOM/TSE

Na ocasião, o presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, reafirmou a segurança da votação eletrônica. “É sempre bom lembrar que as urnas eletrônicas não entram em rede. Os resultados das eleições são impossíveis de serem alterados”, disse Barroso.

Imagem: Abdias Pinheiro/SECOM/TSE

Via CNN

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *