Falando com investidores durante a mais recente apresentação de resultados fiscais da empresa, o presidente da Nintendo revelou que o Switch ainda tem muito fôlego e que um possível sucessor do console híbrido só deve chegar daqui a pouco mais de 5 anos.

Nintendo Switch 2

Durante a sessão de perguntas e respostas do evento corporativo, Shuntaro Furukawa indicou que o ciclo de vida do Nintendo Switch pode ser bem diferente dos períodos de 6 a 7 anos por geração, como vemos nos aparelhos recentes de Sony e Microsoft.

“Não podemos comentar sobre o próximo sistema neste momento. Já é o quinto ano desde o lançamento do Nintendo Switch, e o total de vendas do hardware ultrapassou 90 milhões de unidades. Reconhecemos que o sistema está no meio de seu ciclo de vida”, explicou o executivo.

Assim, o “reinado” do console pode chegar a, no mínimo, 10 anos e mostrar que mesmo um equipamento com componentes mais modestos pode perdurar por bastante tempo. Se a fala de Furukawa corresponder mesmo aos planos da Big N, um sucessor do videogame só seria esperado para março de 2027.

Opções e mais opções

Como manter o interesse do público – e do mercado – até lá? Da mesma forma que a empresa lidou com a longevidade de seus portáteis da família DS e 3DS: com atualizações menores de tempos em tempos. Isso já aconteceu com a chegada dos modelos Lite e OLED do console.

switch family

Imagem: Nintendo

“Estamos oferecendo aos consumidores três modelos de Nintendo Switch para combinar com seus estilos de jogo e estilo de vida, bem como uma ampla gama de software. Com isso, acreditamos que foi lançada uma base para o crescimento que excede o que considerávamos anteriormente um ciclo de vida de hardware convencional”, analisa o presidente.

Furukawa disse ainda que a companhia japonesa está considerando “muitas coisas diferentes” para um Switch 2, mas que não há nada que possa compartilhar no momento. Nos vemos em 2027, então.

Fonte: Destructoid

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *