Nos dias de hoje, os controles com sensores de movimento já não são uma novidade e funcionam muito bem com inúmeros títulos. Apesar de este tipo de joystick estar ainda se popularizando, nos anos 90, a Sega também tentou inovar com algo bem parecido.

Conhecido como Sega Activator, o controle foi lançado para o Mega Drive em 1993. Já para começar, o visual do controle era um tanto diferente. O periférico poderia ser comparado a um octógono, que precisava ser colocado no chão.

Já ao estar devidamente posicionado e conectado ao videogame, os jogadores precisavam ficar justamente no vão do controle. Os comandos, por sua vez, eram acionados ao passar as mãos ou os pés por cima dos sensores infravermelhos, que correspondiam aos botões.

Assim, apesar de ser um controle que funcionava com sensores de movimentos, na verdade, o Sega Activator só traduzia o movimento dos jogadores em um botão a ser apertado e não replicava tal ação de forma realista. Por conta desse sistema mais peculiar, vale notar, o periférico era compatível com praticamente qualquer título do Mega Drive.

Mesmo tendo isso como um ponto positivo, a verdade é que na maioria dos casos, o Sega Activator não oferecia uma experiência realista como mostravam suas propagandas. No Street Fighter, por exemplo, um jogador poderia dar um chute para “dar um soco dentro do jogo”, se quisesse, é claro. Ainda para funcionar, assim como outros acessórios lançados para o Mega Drive na época, o Sega Activator também necessitava de uma fonte de energia separada.

Acessório da Sega apareceu em programas de TV

Mesmo sem ter feito muito sucesso, a Sega até chegou a trazer o Sega Activator para o Brasil. Já no exterior, o controle inovador chegou a aparecer até mesmo em um programa de televisão da rede ABC, em que os apresentadores puderam testar o acessório com um jogo de boxe, onde até pode se dizer que foi uma experiência mais realista.

Tendo feito sucesso ou não pelo mundo, ao menos, a Sega tentou inovar na época com um acessório bem diferente, mesmo que tal dispositivo contasse com muitas falhas. Hoje, felizmente, nós temos controles mais robustos e com jogos que podem proporcionar uma experiência mais imersiva aos jogadores.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *