Neste domingo (11), a Virgin Galactic realizou mais uma viagem ao espaço, mas com um detalhe bem especial. Richard Branson, dono da empresa, estava a bordo do foguete da companhia e se tornou o primeiro empresário a testar uma espaçonave para fins comerciais.

O voo teve uma duração aproximada de 50 minutos, sendo que os passageiros puderam aproveitar a sensação da ausência de gravidade no espaço por aproximadamente 3 minutos. A nave decolou a partir da base Spaceport America, no Novo México, às 11:40, retornando às 12:40.

“Eu era uma criança com o sonho de olhar para as estrelas. Agora, eu sou um adulto em uma espaçonave olhando para baixo para a nossa linda Terra. Para a próxima geração de sonhadores: se nós podemos fazer isso, apenas imagine o que você pode fazer”, publicou Richard Branson no Twitter com um vídeo compartilhando um trecho do voo realizado.

Blue Origin desdenhou de feito de Richard Branson

Já para semana que vem, Jeff Bezos, ex-CEO da Amazon e fundador da Blue Origin, pode ser o próximo bilionário a chegar ao espaço com um voo feito por sua empresa em um foguete. Inclusive, um tuíte da Blue Origin foi publicado para provocar o feito de Richard Branson com a Virgin Galactic ao dizer que eles usaram apenas um “avião de alta altitude”.

Deixando as brigas de lado, esse é apenas um começo bem animador dos voos espaciais comerciais com pessoas comuns além de astronautas, que devem seguir restritos por muitos anos ao público bilionário.

Fonte: Virgin Galactic

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *