Uma ação coletiva foi aberta nos Estados Unidos e alega que a Apple e o Google violaram leis antitruste na forma como lidam entre si. Em uma das acusações, por exemplo, foi descrito que a gigante das buscas pagou para ter seu buscador como padrão nos produtos da empresa da maçã.

Segundo a ação, ambas fizeram um acordo que resultou na Apple desistindo de criar seu próprio buscador para evitar competição direta.

Além disso, há alegações de que o Google concordou em dividir seus lucros de pesquisa com a Apple, ao mesmo tempo em que a empresa daria tratamento especial para o buscador em todos os seus dispositivos.

Google

Isso, em teoria, faria com que ambas trabalhassem juntas para suprimir a competição de concorrentes menores. Esses acordos supostamente foram feitos em reuniões secretas entre as duas empresas.

Agora, o processo busca uma liminar para proibir o acordo de não concorrência entre Google e Apple, bem como eliminar o tratamento preferencial entre as empresas – além de impedir o pagamentos ilícitos do tipo.

Em sua defesa, a Apple afirmam que, apesar de ter o buscador do Google como padrão no iOS, os usuários podem selecionar outros mecanismos se preferirem – além de poderem usar o sistema de pesquisa disponível com a Siri.

Via: Apple Insider

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *