Na semana passada, rumores de uma compra iminente do Pinterest pelo PayPal por US$ 45 bilhões foi primeiramente relatada pela Bloomberg. Agora, nesta segunda-feira (25), o PayPal desmentiu a história e afirmou que “não está buscando uma aquisição do Pinterest neste momento”.

Simples e direto, o comunicado oficial traz apenas esta informação. Ainda assim, não confirma ou nega se houve qualquer conversa entre as duas empresas. De qualquer forma, a declaração afasta a possibilidade de uma fusão em um futuro próximo.

O Pinterest não comentou o boato.

A princípio, especialistas desconfiaram da possibilidade da compra do Pinterest pelo PayPal, uma vez que os negócios de uma empresa não têm nada a ver com os da outra – afinal, o que explicaria um meio de pagamento digital investir em uma rede social?

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *