Imagem: IB Photography/Shutterstock.com

Uma multa de € 150 milhões (US$ 165 milhões) aplicado ao Google em 2019 por reguladores antitruste, por abuso de poder sobre o tratamento de anunciantes, foi mantida por um tribunal de apelação francês, segundo um porta-voz do companhia estadunidense.

À época, os reguladores argumentaram que a empresa havia aplicado regras opacas de publicidade e as modificou de acordo com a vontade da companhia.

Multa antitruste de € 150 milhões ao Google é mantida por tribunal francês

Imagem: Tecmasters

Além desta, duas ordens que acompanhavam a multa dos mesmos reguladores foram anuladas, segundo o buscador. A primeira delas revogava uma obrigação de colocar em vigor uma ferramenta que permitisse aos consumidores franceses apresentar reclamações. Enquanto que a segunda ordenava a empresa emitir um relatório anual detalhado de número de sites cujas contas no Google Ads foram suspensas por violação das regras e a natureza dessas que foram violadas.

Um porta-voz do Google afirmou que a empresa, ao seguir a decisão original (da autoridade de concorrência francesa), já fez “algumas mudanças para tornar estas políticas ainda mais claras” e que será considerado, baseado na decisão do tribunal, os próximos passos.

Google

Imagem: Greg Bulla/Unsplash

O Google Ads é um dos produtos da companhia direcionado a anunciantes que desejam aparecer na seção patrocinada dos resultados de pesquisa.

 

Via Reuters

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.