Imagem: VDB Photos/shutterstock.com

No fim da década dos anos 90, o “bug do milênio” assustou muitos usuários já que poderia deixar alguns computadores praticamente inutilizáveis. Agora, em 2022, um bug que pode ser considerado bem similar voltou a ficar em evidência para a Microsoft, que acaba de corrigi-lo.

De acordo com informações obtidas pelo site Bleeping Computer, a Microsoft corrigiu um bug que fez com que servidores do Exchange 2016 e 2019 parassem de processar novos e-mails na virada do ano.

O bug ocorria por conta do mecanismo de antivírus estar processando datas com uma variável 32-bit, o que seria muito pequeno para datas a partir de 2022.

Como aplicar a correção da Microsoft

Diferentemente de uma atualização mais “convencional”, a Microsoft liberou um arquivo de script do Powershell para solucionar o problema visto no Exchange. Veja como aplicar a correção:

  1. Faça o download do script através deste link;
  2. Abra o “Exchange Management Shell” com privilégios de administrador;
  3. Mude a política de execução dos scripts do PowerShell com o comando “Set-ExecutionPolicy -ExecutionPolicy RemoteSigned”;
  4. Rode o script que foi baixado na primeira etapa.

Mais detalhes sobre o problema e também como resolvê-lo de forma manual podem ser conferidos nesta página da Microsoft.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.