Imagem: Divulgação/Riot Games

Matéria produzida em parceria com Igor Shimakuburo

Após diversas atualizações sem pausa para respiro, o patch 12.5 de League of Legends chegou no último dia 2 prometendo um pouco mais de estabilidade. Isso porque, se tudo correr conforme o esperado, o update deve seguir sem mudar o meta do lolzinho até o dia 30 de março.

Sobre as mudanças do meta, alguns bruisers no top seguem fortes como nunca, mas a aparição de tanques torna-se uma realidade. No mid, alguns assassinos podem tomar o posto de magos de controle, enquanto a bot lane deve se despedir momentaneamente de atiradores com range absurda.

Ainda um pouco perdido com as mudanças do patch 12.5? Não se desespere. O TecMasters listou as melhores opções, por rota, que podem ajudar na conquista de uns pdls a mais. As sugestões foram baseadas no ranking de taxa de vitórias e nas tendências globais em torno do MOBA.

Apesar de o patch permanecer inalterado por um bom tempo, vale lembrar que a redescoberta de novos campeões pode ocorrer em um piscar de olhos, portanto, não iremos nos responsabilizar por qualquer resultado negativo nas filas ranqueadas — geralmente composta por jogadas nocivas aos olhos humanos.

Sem mais delongas, confira os campeões mais fortes do patch 12.5 de League of Legends.

Melhores Top Laners

A Riot Games resolveu mudar alguns detalhes do item Quebracascos, que estava bem quebrado, e isso impactou em uma mudança nos campeões mais fortes da rota em comparação ao que foi visto no patch 12.4. Agora, além de lutadores, tanks também estão tendo seu momento de brilho.

Apesar de não estarem na lista, fica uma menção honrosa aos tanks Zac (sim, no topo) e ao Shen.

Tahm Kench

Desde que recebeu o seu rework, o Tahm Kench voltou a ser mais utilizado no topo, apesar de ainda continuar sendo um bom suporte, ainda mais com a Senna ao seu lado. Já no patch 12.5, o famoso sapão está com uma taxa de vitórias de nada menos que 54,37% de acordo com o site Op.gg.

Nas runas, o Tahm Kench continua a optar pelo “Aperto dos Mortos-Vivos”, que o ajudará a ter mais dano e ganhar mais vida. Já um dos pontos para os status deve ser dado a “velocidade de ataque”, que o ajudará a estacar sua passiva mais rapidamente.

Tahm Kench (runas) - League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

O item mítico a ser feito pelos jogadores deve ser a “Manopla do Raio de Gelo”. Após isso, os jogadores devem fazer a “Armadura de Espinhos” ou o “Semblante Espiritual”, o que varia de acordo com o seu adversário.

Riven

Desde a mudança dos itens dos lutadores, a Riven voltou a ficar bem popular entre os jogadores do League of Legends e se mostra uma opção bem sólida no momento. Para poder continuar pulando e indo para cima de seus adversários, a runa “Conquistador” é a mais indicada.

Riven (runas) - League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

Já nos itens, para o mítico, os jogadores devem optar pelo “Hemodrenário”, que ajudará a recuperar vida com seu “ativo”. Logo em seguida, a “Dança da Morte” deve ser fechada para ajudar tanto no sustain quanto para diminuir o tempo de recarga das habilidades.

Tryndamere

Desde o fim do ano passado com o mundial, o Tryndamere tem voltado a aparecer mais nas partidas e se prova bem forte neste momento. Para a runa, a opção certa é a “Ritmo Fatal”, que além de lhe dar um pequeno aumento no range também aumentará bastante a velocidade de ataque, consequentemente ajuda o campeão a “critar” mais.

Tryndamere (runas) - League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

Como item mítico, a principal escolha para o campeão tem sido o item a “Força do Vendaval”, que lhe concede um dash extra. Já em seguida, a recomendação fica para fazer as “Adagas Rápidas Navori” e o “Lembrete Mortal”.

Melhores caçadores

A selva do League of Legends não passou por tantas mudanças nos itens, mas o mesmo não pode ser dito aos campeões que estão se saindo melhor no momento.

Hecarim

Com um bom clear e uma ótima velocidade de movimento, o Hecarim tem causado bastante no momento e voltou a aparecer com bastante força no cenário competitivo. Como runa, para correr mais até do que devia, a opção preferida dos jogadores tem sido o “Ímpeto Gradual”.

Hecarim (runas) - League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

Já itemização, como velocidade nunca é demais, o item mítico a ser feito é o “Quimiotanque Turbo” seguido pela “Couraça do Defunto”. Caso queira um pouco mais de dano, a recomendação fica pelos itens “Dança da Morte” e “Manamune”, que acaba com o problema de mana do campeão.

Volibear

O Volibear não passou por nenhuma mudança recentemente, mas voltou a figurar como uma boa opção na selva devido a poder realizar ganks cedo sem ser muito punido. A runa principal que está sendo escolhida pelos jogadores é a “Ritmo Fatal”, que lhe ajuda a ter um pouco mais de dano na hora das brigas.

Volibear (runas) - League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

O item mítico a ser fechado é o “Quimiotanque Turbo”, que ajudará o urso polar a correr ainda mais com o Q. Após ter feito o mesmo, o ideal é deixar o Volibear ainda mais tanque com itens, como “Couraça do Defunto” e “Força da Natureza”, que também o ajudam a correr mais.

Diana

Já uma campeã que está forte na selva com o foco em dar dano é justamente a Diana, que passou por bons momentos nesta posição no ano passado. Para poder sobreviver um pouco mais nas teamfights, a escolha principal de runa tem sido o “Conquistador”.

Diana (runas) - League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

Por sua vez, o item mítico a ser comprado é o “Explocinturão Hextech”, que aumenta o poder de engage da campeã. Logo em seguida, a melhor opção é fazer o item “Chama Sombria”, que ajudará bastante a Diana a dar dano em campeões protegidos por escudos, que andam em alta no meta.

Melhores mid laners

A rota do meio já havia mudado um pouco no patch passado e, desta vez, não foi diferente. Alguns campeões que andavam meio sumidos voltaram, enquanto a Ahri ainda é um dos destaques.

Veigar

Em um meta repleto de campeões móveis, a habilidade E do Veigar é bem poderosa na hora de stunar os adversários e, junto a um poder de habilidade alto, o famoso mago anão do lolzinho voltou a ter espaço. Já nas runas, a principal escolha dos jogadores é pelo “Predador”, que faz o campeão se movimentar bem pelo mapa, mas quem preferir pode ir de “Cometa Arcano”, que continua sendo uma opção sólida para mais dano.

Veigar (runas) - League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

Já o item mítico principal do campeão é o “Glacieterno”, que o deixará com um pouco mais de vida e um CC extra. Junte um “Cajado do Arcano” ao kit e o Veigar ficará extremamente poderoso perto do late game.

Ahri

Desde que passou por um pequeno rework, a campeã tem estado em evidência. Já neste patch, apesar de ter passado por um nerf, pouco mudou a sua eficiência em Summoner’s Rift. Nas runas, a escolha principal segue sendo pelo “Eletrocutar”.

Ahri (runas) - League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

O item mítico principal para Ahri, assim como o de Veigar, é o “Glacieterno”, mas a “Tormenta de Luden” não é uma opção descartável. Em seguida, os jogadores devem optar pelo item “Chama Sombria” e pelo “Capuz da Morte de Rabadon”.

Akshan

Após ter feito um bom sucesso na rota do topo, o Akshan passou por nerfs, que o colocaram mais de volta à rota do mid. Já como de costume, o campeão quer dar dano logo desde o começo e, para isso, a runa “Ritmo Fatal” é a opção ideal.

Akshan (runas) - League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

Para o item mítico, os jogadores têm duas opções: “Força do Vendaval” ou “Arco-Escudo Imortal”. Feito um dos itens, chega a hora de fazer os itens “A Coletora” e “Gume do Infinito” para sair distribuindo dano crítico.

Melhores atiradores

Após um longo meta focado em atiradores com muita range e runas de Ritmo Fatal, o League of Legends deve presenciar novos campeões na rota inferior de Summoner’s Rift — a runa deve seguir popular. Pelo menos no papel (e nos números), a tendência é por escolhas de campeões com um pouco menos de range, mas também focados no late game.

Zeri

A Riot parece encontrar dificuldades para balancear a última atiradora lançada. Sem contar no escalonamento absurdo, a itemização de Zeri permite que a campeã dê muito dano em área após três itens fechados. Combinada com um suporte de peel, ela pode fazer um verdadeiro estrago em uma team fight.

Não à toa, ela é atualmente a ADC com maior winrate (52,82%) em League of Legends. A runa continua a mesma: Ritmo Fatal na árvore primária e uma árvore secundária baseada em Dominação.

Zeri (runas) - League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

Sua itemização também permanece a mesma. Opte pela Força da Trindade de item mítico e vá para uma Hidra Titânica de segundo. Assim que fechar um furacão de Runaan, verá como ela pode infringir muito dano ao time inimigo acertando somente um oponente.

Vayne

Não que a Vayne não estivesse forte, mas alguns atiradores estavam com melhor desempenho. Contudo, três fatores colocam ela como uma ótima opção para a bot lane: o enfraquecimento de atiradores de longa distância, o retorno de alguns tanques na top lane e a chegada de assassinos na rota do meio.

Em relação às runas, as mais utilizadas têm sido quase idênticas às de Zeri:

Runas Vayne de League of Legends

Imagem: Reprodução/TecMasters

A itemização, por sua vez, vai depender de cada jogo. O Arco Escudo Imoral Imortal é a melhor opção, mas o Mata-Cráquens pode ser essencial caso haja muitos tanques do outro lado. Espada do Rei Destruído, Lâmina da Fúria de Guinsoo e Limite da Razão podem completar a build.

Jinx

A última das sugestões é uma das poucas atiradoras de grande alcance remanescentes no meta. Diferentemente da Caitlyn, por exemplo, ela escala muito melhor no late game e torna-se uma boa opção para bater de frente com Zeri ou Vayne — embora esteja com uma winrate (52,06%) abaixo dessas outras duas.

De forma curta e grossa: a runa de Jinx acompanha a das outras atiradoras.

Jinx - Runa do League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

Já a itemização não. De item mítico, opte pela Força do Vendaval ou Mata-Cráquens, a depender do jogo. Canhão Fumegante e Infinity Edge vão ajudar no power spike da campeã, enquanto Lembranças do Lorde Dominik fecha como a “cereja do bolo”.

Melhores suportes

As sugestões de suporte seguem quase idênticas às menções feitas no patch 12.3 de League of Legends. Não que haja um padrão para figurar na lista, mas todas elas possuem um ótimo late game, ótimos mecanismos para proteger os carregadores (com escudos e curas) e ataques à distância.

Janna

A primeira sugestão da lista é a suporte que atualmente conta com o maior winrate (54,50%) na bot lane: Janna. Com o meta focado no late game — especialmente pelas recompensas —, a campeã consegue executar seu papel de “babá” com maestria, e sem exigir muita mecânica do jogador.

As runas mais usadas pelos players nas filas ranqueadas de League of Legends têm sido:

Runas Janna League of Legends

Imagem: Reprodução/TecMasters

Sobre a itemização? Tudo que possa buffar o seu atirador (ou APC) de alguma forma. E isso envolve Regenarador de Pedra Lunar, Redenção, Turíbulo Ardente, entre outros itens.

Senna

Lembra que as sugestões eram baseadas em campeões com bom late game e mecanismos para peel? Pois a Senna adiciona outro recurso: dano. Ao coletar as almas ao longo do game, a campeã pode ser extremamente perigosa se a partida passar de 30 minutos, já que causará dano de uma longa distância.

Não é necessário uma runa baseada em dano, já que a Senna escala naturalmente. Ao invés disso, runas baseadas em resistência podem ser uma boa escolha.

Senna (runas) - League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

Já nos itens, abuse do poder de dano da campeã — sem esquecer que ela ficará extremamente papel por conta disso. Invista em um Mata-Cráquens de item mítico e compre um Canhão Fumegante e Lâmina da Fúria de Guinsoo de segundo e terceiro item. O resto da build será situacional.

Soraka

A última sugestão para subir de elo no patch 12.5 de League of Legends é a Soraka. O conceito é o mesmo das demais campeãs presentes na lista, ou seja, proteger o carry de seu time até o mid/late game e oferecer uma sobrevida nas lutas decisivas da partida.

Suas runas serão baseadas em um pouco de dano e um pouco de resistência:

Runas Soraka League of Legends

Imagem: reprodução/TecMasters

A itemização segue o mesmo padrão de Janna: Regenarador de Pedra Lunar, Redenção, Turíbulo Ardente e qualquer outro item que cure, proteja ou aumente o dano de seus aliados.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.