Atualmente, o padrão de conexão USB-C está presente na maioria dos aparelhos disponíveis no mercado. No entanto, a Apple – apesar de contar com iPads com a tecnologia – ainda é resistente à implementação nos iPhones. Mas isso pode mudar em breve.

Segundo informações compartilhadas pelos sites LeaksApplePro e iDropNews, a empresa da maçã pode finalmente implementar uma porta USB-C na linha de 2022 do iPhone. No entanto, ao que parece, a novidade estaria presente apenas na versão Pro do novo aparelho.

Ainda não se sabe por qual motivo a Apple decidiu mudar a conexão oferecida em seus aparelhos, mas é possível imaginar três motivos. Recentemente, a União Europeia apresentou um projeto de lei que torna portas USB-C um padrão em todos os dispositivos, além de prometer multar empresas que não cumprissem isso.

Em segundo lugar está a velocidade de transferência de dados. Os cabos atuais, chamados de Lightning, oferecem USB 2.0, enquanto os iPads com conexões USB-C já contam com suporte ao USB 3.0. Faz sentido que a empresa procure mais velocidade em seus dispositivos.

Por fim, a Apple pode querer proteger o meio ambiente, já que a adoção de uma porta USB-C ajudará a reduzir o lixo eletrônico produzido por donos de iPhone – além de cortar alguns custos para a fabricação dos novos aparelhos.

Apesar de serem motivos bastante plausíveis, vale lembrar que tudo não passa de rumor, ainda não há qualquer confirmação de que a implementação será de fato feita pela Apple.

Primeiro iPhone com USB-C?

Vale lembrar que esse não seria de fato o primeiro iPhone com entrada USB-C – talvez o primeiro oficial, mas longe de ser pioneiro. Isso porque, recentemente, um engenheiro modificou um iPhone X para implementar uma entrada USB-C no lugar da porta Lightning.

Antes de conseguir isso, ele afirma em seu canal do YouTube que passou meses pesquisando sobre o assunto e trabalhando no desenvolvimento de alguns componentes para que a troca fosse possível.

Apesar de ser uma ideia interessante, o engenheiro destaca que os donos de iPhone não devem tentar isso em casa. Ele é formado em eletrônica e possui mestrado em robótica no Instituto Federal Suíço de Tecnologia, por isso, sabe exatamente o que estava fazendo. Além disso, qualquer modificação no aparelho fará com que a garantia oficial da Apple seja perdida.

Via: GizmoChina

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *