Esta terça-feira (4) foi movimentada para a Intel. Isso porque a big tech realizou sua primeira apresentação na Consumer Electronics Show (CES) 2022, revelando diversas novidades para o ano. Os destaques vão para novas CPUs Alder Lake, mais detalhes sobre as GPUs Arc e avanços para o setor automotivo.

A cerimônia foi apresentada por Gregory Bryant, vice-presidente executivo da Intel, e foi dividida em três partes: avanços no segmento da empresa voltado para PCs e laptops, progresso nas placas de vídeo da linha Arc e avanços em soluções para a área de direção autônoma.

Confira abaixo as novidades.

Novos processadores Alder Lake da Intel

A começar pelos processadores, a Intel anunciou duas novas CPUs de 12ª geração para desktops. A primeira, intitulada de série S, é tida como a melhor CPU para jogos do mundo. Ao combinar o sistema híbrido (núcleos de desempenho e de eficiência), a linha promete performance profissional com rapidez no processamento gráfico.

CPUs Alder Lake série S da Intel

Imagem: Reprodução/Intel

Já os modelos da linha KS, também para desktops, chegarão a 5,5 GHz de frequência em um único núcleo — quando estressados para atingir a velocidade Max Turbo. Segundo a Intel, os chips serão lançados no fim deste trimestre e serão voltados para atividades como games ou edição de vídeo.

CPUs Alder Lake série KS da Intel

Imagem: Reprodução/Intel

Felizmente, não foram só os usuários de desktop a receber boas novas. A big tech aproveitou os holofotes da CES 2022 para anunciar outras três linhas de processadores Alder Lake, mas desta vez para laptops. A série H, por exemplo, é considerada a melhor plataforma móvel para games do mundo.

Com base no processamento Intel 7, essas CPUs atingem frequências de até 5 GHz, sem contar os 14 núcleos (6 de desempenho e 8 de eficiência) e 20 threads. Como resultado, o carro-chefe da linha Intel Core i9-12900HK é considerado pela marca como o processador móvel mais rápido da Terra.

CPUs Alder Lake série H

Imagem: Reprodução/Intel

Os outros dois processadores fazem parte da série U e P. O primeiro opera entre 9 e 15 W e são voltados para notebooks finos e leves. Já a série P, com até 14 núcleos e 20 threads, também é destinado para laptops mais finos, mas opera com potência base de 28 W. Ambos estarão presentes em diversos modelos de laptops que serão lançados neste ano.

Antes de irmos para as GPUs, a Intel também anunciou um update da Evo Platform — uma espécie de selo para laptops de ponta — que agora conta com mais de 100 modelos. Inclusive, esta atualização trará um novo recurso multiplataforma ainda em 2022.

Mais detalhes sobre as placas de vídeo Arc

Não, a big tech não deu nenhum spoiler sobre o visual das placas ou divulgou fotos. Mas ao anunciar a primeira remessa das GPUs Arc Alchemist para fabricantes originais de equipamento, a companhia deu a entender que falta pouco para entrar no mercado e rivalizar contra Nvidia e AMD.

Durante a apresentação de Lisa Pearce, vice-presidente da Intel, a executiva explicou como a tecnologia Intel Deep Link deve melhorar os processos de codificação dessas GPUs. Além disso, ela revelou que as placas terão suporte para Ray Tracing e Xe Super Sampling Tech (XeSS).

Por falar em XeSS, a companhia também afirmou que está trabalhando ao lado de estúdios de games (como Ubisoft, Kojima Productions, 505 Games, PUBG Studios, entre outros) para incorporar o suporte ao XeSS em seus respectivos títulos.

Parcerias Intel

Imagem: Reprodução/Intel

Não foi divulgada nenhuma data assertiva, mas os primeiros exemplares das GPUs Arc Alchemist vão chegar já neste primeiro trimestre do ano.

Avanços no setor automotivo

Por fim mas não menos importante, a Mobileye, subsidiária da Intel, anunciou um novo system-on-a-chip (SoC) voltado para veículos autônomos: o EyeQ Ultra. Só para se ter uma noção, ele fez o trabalho de 10 SoCs EyeQ5 — mas em uma única plataforma — e basicamente oferece o desempenho de energia ideal para os veículos.

Novo chip EyeQ da Mobileye

Imagem: Reprodução/Intel

A Mobileye anunciou ainda mais dois lançamentos em parceria com a Zeekr. O primeiro trata-se de um sistema de câmeras surround intitulado de SuperVision ECU. Já o segundo trata-se de uma plataforma L4 baseado no EyeQ5 High, mas este último anúncio deve ter sua produção iniciada somente em 2024.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *