Imagem: Samsung

Um Galaxy S22 sobreviveu a um teste de durabilidade e mostrou pouco impacto em várias outras intervenções como fogo e arranhões. O Youtuber Zack Nelson fez o teste em seu canal e desmontou ainda a S-Pen e outras partes do S22 para conhecê-las por dentro.

O teste de durabilidade é feito tentando dobrar o smartphone, caso o produto fique curvo ou venha a quebrar, é um sinal de ser pouco durável. Ele pode vir a dobrar ou quebrar caso esteja em um bolso traseiro da calça ou na bolsa, por exemplo.

Galaxy S22 não arranha fácil e nem queima em pouco tempo

Outros fatores de resistência, como arranhões na tela, também não são feitos facilmente no S22. Em uma medição de quanto tempo um estilete consegue fazer marcas no S22, só 8 arranhadas na tela conseguem fazer uma marca. Com relação a fogo, colocando um isqueiro aceso na tela, demora alguns minutos até fazer uma mancha.

A S-Pen é desmontada e as câmeras removidas, e é possível ver que são bem resistentes. A S-Pen tem um capacitor interno e uma ponta bastante durável que não é fácil de remover. Já as câmeras individuais são uma novidade interessante em termos de resistência.

O autor do vídeo fez ainda sucesso no Twitter com o teste. Ele fez um protesto contra a guerra na Ucrânia, escrevendo em russo uma frase dita por militares ucranianos reclamando de um ataque. Confira o vídeo e a história no Twitter.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.