Imagem: Divulgação/Epic Games

Depois de ter encerrado a venda de jogos na Rússia no começo de março, a Epic Games agora vai contribuir financeiramente para auxiliar os afetados na guerra da Ucrânia. Segundo a companhia, toda a receita de Fortnite de 20 de março até 3 de abril será revertida para organizações de ajuda humanitária no país do leste europeu.

A campanha marcará as duas primeiras semanas da “Resistência”, o mais novo capítulo da 2ª temporada que chegou ao battle royale no último domingo (20). A ação abrangerá compras com dinheiro real de pacotes de V-Bucks, assinaturas do Clube Fortnite, Passes de Batalha presenteados e pacotes de itens cosméticos.

Ainda segundo a Epic, o montante recolhido será enviado para Direct Relief, Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), Programa Mundial de Alimento das Nações Unidas (UNWFP) e Agência da ONU para Refugiados (UNHCR), que têm auxiliado com suporte médico e jurídico, alimentos, água potável, artigos essenciais e abrigo.

O comunicado informa que o envio das contribuições será feito “o mais rápido possível”. “Conforme as transações são realizadas, nós as registramos e enviamos os fundos equivalentes dentro de poucos dias para as organizações de ajuda humanitária”, pontuou o informe.

Microsoft adere à campanha do Fortnite

Quem também resolveu “comprar” a ideia da Epic Games foi a Microsoft. A big tech já havia paralisado a venda de produtos para Rússia e, agora, também vai destinar todos seus lucros líquidos com o Fortnite no Xbox (nessas duas semanas) para auxiliar o povo ucraniano.

A nova temporada de Fortnite chegou, mas em um cenário bem complicado no mundo real.

Fonte: Epic Games

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.