Imagem: Vasilis Asvestas/Shutterstock

Elon Musk que se prepare, pois suas responsabilidades vão aumentar significativamente nos próximos anos. Após tornar-se o principal acionista do Twitter ao adquirir 9,2% de participação da companhia, o bilionário agora vai se juntar ao Conselho de Administração da rede social.

A informação foi revelada nesta terça-feira (5) — um dia após o dono de Tesla e SpaceX ter comprado o equivalente a US$ 2,89 bilhões em ações do Twitter — por meio de um documento enviado à Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC).

Segundo o comunicado, Elon Musk vai integrar o conselho de diretores, como diretor de classe II da rede social, até 2024. Durante o mandato ou 90 dias depois, o executivo não poderá se tornar proprietário de mais de 14,9% das ações ordinárias do Twitter.

Posteriormente, o próprio CEO do Twitter, Parag Agrawal, tratou de noticiar a movimentação e dar as boas vindas à Musk.

“Estou animado para compartilhar que estamos nomeando @elonmusk ao nosso Conselho! Por meio de conversas com Elon nas últimas semanas, ficou claro para nós que ele traria grande valor ao nosso board”, tweetou o CEO.

Chegada de Elon Musk indica mudanças na rede

O mais novo diretor do Conselho do Twitter já sugeriu que otimizações estão a caminho. “Estou ansioso para trabalhar com Parag e o conselho do Twitter para fazer melhorias significativas para a rede nos próximos meses”, tweetou Musk.

A primeira delas, inclusive, pode ter começado na noite desta segunda (4). O empresário abriu uma enquete no Twitter para saber se a comunidade aprova ou não um recurso de edição das publicações — funcionalidade que divide opiniões há um bom tempo.

Outras mudanças também são esperadas. Recentemente, o mesmo Elon Musk questionou se os usuários consideravam a plataforma democrática e até mesmo levantou a questão da necessidade de se criar uma nova rede. Agora como conselheiro, os feedbacks tendem a ser ainda mais “ouvidos”.

Não que todas as questões levantadas vão sofrer mudanças. Mas a nomeação do bilionário — e sua popularidade na rede social — indica que otimizações estão sendo planejadas para um futuro próximo. E com o dedo de Musk.

Via: CNBC

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.