Seguindo os passos de outras fabricantes de hardware, como a PNY, a Crucial está tentando coibir o uso dos SSDs da marca para a mineração de Chia. A forma como a empresa fez isso, no entanto, causou confusão – e ela acabou voltando atrás em parte da decisão.

Crucial vs mineradores

Uma postagem no blog da companhia há alguns dias foi o suficiente para causar um certo tanto de polêmica. O texto indicava que “usar SSDs Crucial para qualquer atividade de mineração de cripto” seria uma violação dos termos de garantia do produto.

Em outro trecho, o artigo trazia uma cópia desses termos atualizada, que era bem diferente do que os clientes recebiam junto dos dispositivos. Ou seja, essa seria uma mudança retroativa e que afetaria peças compradas antes da publicação do post.

Ao ser contatada pelo portal Tom’s Hardware, no entanto, a empresa se desculpou e disse que se tratava apenas de um mal-entendido.

“A intenção era de ajudar a educar o consumidor em qualquer problema surgido decorrente de aplicações de escrita intensiva. Qualquer confusão causada pelo blog post foi inteiramente acidental”, explica o comunicado da Crucial.

Apesar disso, é possível que a mudança ainda ocorra em lançamentos futuros da marca, acompanhando omovimento iniciado pelo mercado de GPUs, que tem trabalhado para refrear o avanço dos mineradores de cripto.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *