O criador da ideia mais conhecida de um metaverso, Neal Stephenson, comentou sobre a mudança de nome do Facebook para Meta e as novas investidas da empresa. Em entrevista ao Axios, o escritor foi bem cuidadoso com a atribuição de suas ideias às novidades anunciadas pela companhia de Mark Zuckerberg.

Para Stephenson é “lisonjeiro quando empresas investem tempo e dinheiro para colocar ideias em prática”. Apesar de não ter tido qualquer conversa com Zuckerberg ou funcionários do Facebook sobre o conceito de metaverso, Stephenson vê na movimentação da empresa alguns conceitos que foram antecipados em seu livro, publicado há 30 anos.

Neal Stephenson

Neal Stephenson (Foto: Nerd Patrol)

“Desde o começo da ficção científica, escritores têm tido crédito por inspirar invenções reais, então isto não é único e singular”, afirma Stephenson. “Eu sabia que poderia acontecer, mas não esperava que acontecesse”, completa.

Aviso para o metaverso de Zuckerberg

Perguntado se mudaria algo no conceito de metaverso, Stephenson mandou um aviso para o Facebook.”O que está sendo construído [pela Meta] é diferente do livro, especialmente na arrecadação financeira”, aponta o autor. “O modo como o sistema fará dinheiro é muito importante, mais do que tudo, pois as funcionalidades técnicas dependem disso”, alerta.

Apesar de ter criado a proposta inicial do metaverso, Stephenson afirma que não foi recompensado financeiramente pelo Facebook ou nenhuma outra empresa de forma direta. “O livro foi escrito há 30 anos e qualquer pessoa pode tirar ideias dele, assim, a recompensa por propriedade intelectual deverá ir para quem desenvolver algo”, afirma.

Sobre as críticas à nova empresa, Stephenson dá uma pista. “Boa ficção científica tenta trazer mundos futuros que podem ser plausíveis o suficiente para serem convincentes aos leitores — muitos deles especialistas em tecnologia e grandes críticos”, declarou. Resta saber se o novo metaverso continuará a receber muitas críticas ou elogios.

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *