O Bitcoin é uma das criptomoedas mais populares e conhecidas no mundo todo. No entanto, apesar disso, algumas pessoas e instituições ainda acreditam no fracasso do ativo. Esse é o caso do Banco da Inglaterra, que alerta que quem investe em criptomoedas deve estar preparado para o momento em que elas se tornarão “inúteis”.

Apesar da constante valorização, um dos vice-governadores do Banco da Inglaterra, Sir Jon Cunliffe, alertou sobre os riscos desse investimento. “Seu preço pode variar consideravelmente e poderia teoricamente ou praticamente cair para zero”, afirma.

Além disso, o banco comenta que todas as instituições que planejam adotar o Bitcoin devem ter uma abordagem cautelosa com a criptomoeda.

“O problema é que, ao contrário das formas tradicionais de dinheiro, o Bitcoin não está acostumado a precificar outras coisas além de si mesmo. Como os próprios mineradores gostam de dizer ‘um Bitcoin = um Bitcoin’”, declara Thomas Belsham, funcionário da divisão de participação de acionistas do Banco da Inglaterra.

Ele acrescenta que a escassez e, de certa forma, a natureza limitada da criptomoeda “pode até mesmo, em última análise, torná-la inútil”.

Até o momento, a opinião das agências governamentais sobre o Bitcoin é bastante variada. A Suécia, por exemplo, pediu que toda a Europa banisse a mineração por questões ambientais; já a China tornou todas as transações envolvendo criptomoedas algo ilegal.

Por outro lado, El Salvador foi o primeiro país a aceitar o Bitcoin como moeda legal e planeja construir uma cidade inteira baseada no ativo.

Via: TechSpot

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *