Entre os jogos mais modernos da franquia, Assassin’s Creed Origins é tido como um dos favoritos de muita gente. A boa experiência com o jogo que se passa no Egito Antigo, no entanto, não impede que essa viagem histórica possa ser ainda melhor. Como? Com um visual ainda mais caprichado, é claro: rodando em 8K e com ray tracing ativado.

Assassin’s Creed Origins é beleza pura

Como era de se esperar, esse não é um trabalho para qualquer um, e sim para o time do “Digital Dreams“. Mais uma vez foi o canal de youtube quem resolveu explorar todo o potencial escondido da série de aventura da Ubisoft e mostrar até onde seus gráficos podem chegar.

Mesmo tendo sido lançado em 2017, é inegável que Assassin’s Creed Origins ainda traz um clima fantástico, belos mapas e um cenário pronto para ser admirado durante toda a jogatina. O que os youtubers fizeram foi dar uma mãozinha ao produto original. Confira:

Para chegar nesse resultado de babar, não bastou rodar o jogo com tudo no máximo e na resolução 8K. Também foi preciso recorrer a um reshader que adiciona recursos de ray tracing ao título e um mod de câmera que aprimora bastante a visualização in-game.

Como é de praxe, o “Digital Dreams” recorreu a uma máquina de peso para fazer tudo isso funcionar em Assassin’s Creed Origins: um PC com processador Ryzen 9 3900X, GPU Asus TUF RTX 3090, 32 GB de memória Corsair Vengeance e 2 TB de armazenamento SSD Crucial MX500.

Fonte: Wccftech

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *