Imagem: Divulgação/Crunchyroll

Atenção, otakus e otomes: podem comemorar porque o Crunchyroll finalmente chegou ao Nintendo Switch. O serviço de streaming de animes, liberado para o portátil na última quinta-feira (17), vai permitir sessões online e offline diretamente do console da Big N.

Presente em mais de 200 países do mundo todo, o Crunchyroll acumula centenas de títulos de anime em seu portfólio, desde os clássicos (como “One Piece”, “Naruto Shippuden” e “Hunter x Hunter”) até os mais atuais (“Demon Slayer: Kimetsu no Yaiba”, “JUJUTSU KAISEN” e “My Hero Academia”, por exemplo).

Mas se a base de clientes do serviço já é motivo de comemoração, a coisa pode ficar ainda melhor. Isso porque o Nintendo Switch contabiliza 102,81 milhões de unidades vendidas no mundo. Logo, a tendência é que o app seja ainda mais difundido ao chegar para um console desse porte.

Para a Nintendo, a notícia também é fator de celebração. Apesar de o portátil contar com aplicativos como YouTube, Hulu, Twitch e Funimation, não existem tantas opções de streaming em comparação com outros consoles. Por isso, a chegada do Crunchyroll deve ser bem recebida pelos usuários.

Não menos importante, o app torna-se o primeiro streaming a oferecer visualização offline no console. A boa notícia é que o app poderá ser baixado gratuitamente no Switch. A má? Assistir a episódios sem conexão com a internet exigirá uma assinatura premium do Crunchyroll, disponível a partir de R$ 25,00 (sem contar impostos) por mês.

Fato é que quem estiver acostumado com os preços de jogos do Nintendo Switch certamente não vai ligar de pagar muito menos para conferir seus animes preferidos diretamente do console.

Fonte: Nintendo

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.