Imagem: Divulgação/AMD

A Nvidia possui núcleos de tensores em suas placas de vídeo que ajudam no upscaling de imagem baseado em aprendizado de máquina. Isso faz com que o desempenho de alguns games seja melhorado. Agora, ao que parece, a AMD pretende trazer algo semelhante às suas linhas de equipamentos.

Uma atualização da empresa de seu repositório do Github adicionou uma série de instruções que detalham algumas características das vindouras placas com tecnologia RDNA3. Segundo a descrição, a AMD vai implementar uma ferramenta de reconstrução de imagem baseada em inteligência artificial (IA).

Atualmente, o FidelityFX Super Resolution 2.0 (FSR) da empresa já faz algo semelhante, mas sem o uso de IA – ao mesmo tempo em que isso é bom, faz com que o resultado não seja tão satisfatório. Por isso, acredita-se que a companhia optou por essa mudança.

Acredita-se que as instruções disponíveis no repositório podem apresentar resultados semelhantes ao DLSS da Nvidia. O famoso leaker Greymon55 vê isso como uma forma da AMD se preparar para o FSR 3.0.

De modo geral, o RDNA 3 promete melhorar o desempenho em relação às GPUs da AMD lançadas a partir de 2020. Rumores indicam que o desempenho pode melhorar em até 50%. Outras informações vazadas indicam que as primeiras placas com a tecnologia chegam até novembro deste ano.

Via: TechSpot

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.