Aproveitando a recente chegada do Windows 11, a AMD anunciou o seu novo driver de placa de vídeo Adrenalin 21.10.1. Ajustado para o novo sistema operacional da Microsoft, o software promete aumentar o desempenho das GPUs da marca no game Far Cry 6, que será lançado na próxima quinta-feira (7).

Naturalmente, os ganhos de performance no título dependerão dos modelos das placas de vídeo, bem como das configurações ajustadas para rodar o Far Cry 6. Junto das notas de lançamento, a AMD deu três bons exemplos de como as GPUs atualizadas deverão se comportar no novo game da Ubisoft.

  • GPUs Radeon RX 6700 XT terão salto de até 10% de performance com o Far Cry 6 rodando em 1080p e com Ray Tracing habilitado
  • GPUs Radeon RX 6800 XT verão um ganho de até 12% de desempenho com o Far Cry 6 rodando em 4K, em configurações médias e sem Ray Tracing
  • GPUs Radeon RX 6600 XT terão aumento de 13% de desempenho com o Far Cry 6 rodando em 1440p, em configurações médias e com Ray Tracing habilitado

Ao que parece, a AMD listou apenas esses três cenários para ilustrar diferentes situações de ganhos de desempenho. No entanto, é provável que o driver Adrenalin 21.10.1 também otimize outras placas de vídeo.

A boa notícia é que não serão apenas os jogadores de Far Cry 6 que serão beneficiados. A marca afirmou que o software também foi ajustado para o Battlefield 2042 (beta aberto) e para o game Naraka: Bladepoint. Para o PUBG rodando em 4K e com configurações no ultra em uma GPU RX 6800 XT, os ganhos aproximados são de 11%.

Atualização do driver da AMD corrigiu bugs antigos

Mas além de melhorar a performance de alguns títulos esperados pela comunidade, a atualização tratou de corrigir alguns bugs antigos, que incluem:

  • Jogar Horizon Zero Dawn por um período prolongado pode levar ao tempo limite do driver ou travamento do jogo em alguns produtos AMD Graphics, como Radeon RX 6700 XT;
  • O tempo limite do driver pode ocorrer ao jogar um jogo e transmitir um vídeo simultaneamente em alguns produtos AMD Graphics, como as GPUs da série Radeon RX 500;
  • Alguns usuários podem experimentar valores altos de velocidade do clock da memória ociosa quando dois ou mais monitores estão conectados ao sistema;
  • O tempo limite do driver pode ocorrer durante a reprodução do The Medium em alguns produtos AMD Graphics, como Radeon RX 6700 XT;
  • Com carga total da GPU, o software Radeon pode exibir incorretamente valores mais altos do que os valores reais de consumo de energia da GPU;
  • Ao jogar Wreckfest ou Arma 3, a imagem pode ser corrompida ao visualizar a folhagem.

Vale lembrar que a atualização para o software Adrenalin 21.10.1 já está disponível por meio do utilitário Radeon Software ou por meio deste link.

Fonte: PCWorld

Comentários

0

Please give us your valuable comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *